Hello world!

Vendas online aquecem o mercado imobiliário do Espirito Santo


De acordo com o presidente da Associação Empresas do Mercado Imobiliário do Espírito Santo (Ademi-ES), Sandro Carlesso, assim como diversos setores da economia, o mercado imobiliário capixaba tem buscado se reinventar para continuar operando em meio a este cenário de pandemia.


A pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2) tem mudado a rotina das pessoas e das empresas, que tiveram que adaptar os estilos de vida e seus processos à nova realidade do isolamento social. Entre tantas mudanças, a forma como empresas e clientes se relacionavam passou por uma maior intensificação das vendas online e do atendimento remoto. Mercados, como a construção civil, se viu desafiado e precisou inovar ainda mais nesses novos tempos.


“As incorporadoras, imobiliárias e loteadoras estão com equipes operando em regime home office, com consultoria virtual para os mais diferentes tipos de transação imobiliária, como compra, venda e locação. O atendimento online é prestado por corretores e consultores especializados. Os meios digitais têm sido o canal mais utilizado para a apresentação dos imóveis, simulações de crédito e financiamento, consultoria de negócios e investimentos, entre outros serviços relacionados ao mercado”, disse.


Carlesso afirma, ainda, que os esta é uma forma dos clientes continuarem as negociações com as empresas. “Os clientes podem dar seguimento às negociações via os múltiplos canais de contato com as empresas. Quem tem urgência em alugar ou comprar um imóvel, por exemplo, encontram à disposição sites bem equipados, com todo suporte virtual para dúvidas, informações, vitrine de produtos separados por tipologia, região, entre outras características. Para os clientes que ainda estão em jornada de compra, ou seja estudando os imóveis na planta ou em construção, agora é a hora de tirar todas as dúvidas, via site ou contato virtual com os corretores que estão preparados para atendê-los.”, completou.


· Caso 1: MRV

A MRV, por exemplo, atua há 13 anos no mercado capixaba, e obteve um aumento de 40% na velocidade de suas vendas em março em relação ao mês anterior. Segundo a gestora de vendas da companhia, Ednéia Teixeira, o crescimento se deve, entre outros fatores, a rápida adaptação da empresa a atual situação. A construtora preparou todos os seus canais digitais para atender com eficiência o consumidor.


“Esta plataforma foi lançada em janeiro, mas, a princípio, estava atendendo apenas clientes de Belo Horizonte”, conta a executiva. Devido a pandemia, a MRV expandiu a atuação de sua plataforma de vendas digital, que possibilita que o cliente realize a jornada de compra de um apartamento sem sair de casa, para todas as cidades onde atua”, conta a executiva.


· Caso 2: Soma Urbanismo

Já a Soma Urbanismo, loteadora capixaba com mais de 10 anos de atuação no mercado, ao invés de impor condições financeiras para o pagamento dos lotes de seus empreendimentos, deixará o próprio cliente fazer uma proposta para a equipe comercial, de acordo com seu orçamento.


“O isolamento social tem feito muitos repensarem os seus gastos. Desta forma, ajudamos os clientes a não adiarem esse sonho tão importante que é o sonho da casa própria”, explica a diretora comercial da Soma Urbanismo, Danielli Simões.


Todo o processo, de análise e aprovação de crédito a simulação de financiamento, é feita de forma 100% digital, com toda transparência e segurança necessárias. “Dessa forma, garantimos que o cliente conseguirá realizar todo o procedimento com praticidade, conforto e segurança, respeitando o isolamento e sem prejudicar a sua saúde”, conclui Danielli.


Fonte: https://esbrasil.com.br/vendas-online-mercado-imobiliario-capixaba/



Portal VGV

Portal VGV

Comentários


Próximo evento

Congresso do Mercado Imobiliário do Mato Grosso do Sul

O mercado imobiliário pós-retomada econômica

Faltam:

Garanta Aqui

CONFIRA AS EDIÇÕES ANTERIORES

Saiba como foi

BANCA VGV


Adquira guias completos do mercado imobiliário da sua região. Tenha em suas mãos tudo o que precisa para vender mais.


saiba mais

Patrocínio Institucional