Hello world!

Pesquisa Ademi-BA revela nova casa do baiano


Com a pandemia instalada e o maior tempo que muitas pessoas estão passando dentro de suas casas, se fez necessário buscar entender quais os anseios e senões dos baianos com as suas residências. Foi com este objetivo que a Ademi-BA, com apoio da ABAP-BA e ABMP-BA, realizou através da Hibou uma pesquisa com cerca de 500 pessoas na segunda quinzena do mês de maio. Os números trazem insights e tendências importantes para o mercado imobiliário e também para o mercado de insumos e serviços para imóveis. 


Para o presidente da Ademi-BA, Cláudio Cunha, como setor, é imprescindível estarmos atentos e alinhados ao que é desejado e ao que é viável. “Desde novos projetos passando por observar o que outros mercados vêm trazendo de novidades, chegando até a criação de selos que garantam a limpeza adequada dos espaços nos parecem tendências mais do que reais para os próximos meses”, defende. 


As respostas vieram das cidades de Salvador, Lauro de Freitas, Camaçari, Mata de São João, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Itabuna, Ilhéus, Barreiras e Juazeiro, com 95% de significância. Foram ouvidas pessoas com renda superior a R$6 mil, sendo 51% mulheres e 48% homens. E o primeiro dado revelado pesquisa foi de que metade dessas pessoas não estão satisfeitas com as suas casas. 


Dentro de casa 


Os cômodos das casas foram redescobertos durante a pandemia e isso gerou algumas demandas por mudanças. As salas de estar, as cozinhas e varandas são os espaços mais usados ou que mais deverão sofrer alterações. Com a pandemia, a área de serviço ganha protagonismo com necessidade de mais espaço para a higienização. De mudanças de móveis, a automação, a acústica e novos layouts, possivelmente haverá um pico de demandas para arquitetos, engenheiros, e outros profissionais. 

 

Muitas pessoas estão trabalhando em casa e, não necessariamente, os espaços são ideais para este fim. Com a expectativa de que esta modalidade de trabalho remoto perdure, o plano de readequar o espaço para home office foi quase unânime na pesquisa. Os locais de estudo de crianças e adolescentes também foram apontados com necessidade de adaptação. 


Como não poderia deixar de ser, a tecnologia apareceu com força como possível aliada do conforto e higiene na nova realidade que teremos. Casas conectadas, automatização, segurança de acesso – são muitas as possibilidades.


Condomínios 


Academia, piscina e churrasqueira apareceram como as áreas preferidas e as que irão exigir mais atenção para a administração e para os condôminos. A preocupação com as áreas comuns também ficou muito evidente. Será preciso organizar os acessos – com controle e forma de fazer – e, sobretudo, melhorar a higiene e a limpeza desses locais. Condomínios com área verde também tendem a ser mais procurados, pela possibilidade de relaxamento e conexão com a natureza. 


A consciência coletiva, o estudo de uso de todos os espaços e uma nova rotina de limpeza surgiram na pesquisa como pontos de atenção. É preciso observar se os condomínios irão precisar de tantos espaços de convivência ou se eles precisarão ser reorganizados, aumentando as distâncias entre as pessoas. E mais: como envolver as pessoas para que utilizem os espaços com mais consciência e higiene? Se os condomínios são naturalmente frequentados por muitas e diferentes pessoas, quais serão as ações, estrutura e ferramentas disponibilizadas para que elas se sintam seguras também das áreas comuns? 


Novos lares – morar bem, morar em casa, em imóveis maiores e nem tão próximos ao centro – uma busca por tranquilidade de acesso, além de espaço.


Resumo 

✓ A casa do baiano voltou ao protagonismo dos grandes encontros. 

✓ Tecnologia deixando tudo conectado.  

✓ Móveis planejados facilitando as vidas e deixando e melhorando os usos dos espaços. 

✓ Área verde - faz bem para o corpo e para a cabeça. 

✓ Acabamentos e pisos fáceis de limpar. 

✓ Protocolos nas áreas comuns - confiança no ambiente compartilhado. 

✓ Mais convivência e mais conveniência – reduzir atritos com o ambiente é fundamental.

✓ Não importa o tamanho da moradia, o home office veio para ficar.

 

Fonte: https://ademi-ba.com.br/Site/Noticia/pesquisa-ademi-ba-revela-a-nova-casa-do-baiano



Portal VGV

Portal VGV

Comentários


Próximo evento

Congresso do Mercado Imobiliário da Bahia

O mercado imobiliário pós-retomada econômica

Faltam:

Garanta Aqui

CONFIRA AS EDIÇÕES ANTERIORES

Saiba como foi

BANCA VGV

Fique atualizado com o melhor da central de conhecimento do mercado imobiliário! Conheça cursos exclusivos e as melhores publicações do setor.

Confira a banca completa

Patrocínio Institucional