Hello world!

Construção defende reforma da previdência


Representante de 88 sindicatos e associações de todo o Brasil, a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) declarou ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, nesta quarta-feira (13) em Brasília, apoio do setor à votação da Reforma da Previdência que tramita no Congresso Nacional. A delegação, composta por dirigentes e empresários, também apresentou um conjunto de propostas para o Brasil destravar o investimento e gerar 01 milhão de empregos imediatamente, somente na construção civil.


Segundo o presidente da CBIC, José Carlos Martins, a construção civil precisa de segurança jurídica, essencial para retomada da criação de postos de trabalho, que, no setor, passaram de 3,4 milhões, em 2014, para pouco mais de 02 milhões, hoje. “O Congresso Nacional que vai decidir o que é melhor para o país em termos de Reforma da Previdência, mas é importante que seja feita uma nova reforma, que se saneie as contas públicas para haver previsibilidade no investimento privado no país”, resumiu.


“Não estamos aqui de pires na mão”, acrescentou Martins. “Estamos dizendo que existe sim dinheiro para investimento, mas é preciso ter regras para se criar essa previsibilidade e as empresas possam avaliar o risco e apostar na geração de empregos”, declarou o presidente da CBIC.


Fonte: Sinduscon-BA

Portal VGV

Portal VGV

Comentários


Próximo evento

Congresso do Mercado Imobiliário de Recife e Região

O mercado imobiliário pós-retomada econômica

Faltam:

Garanta Aqui

CONFIRA AS EDIÇÕES ANTERIORES

Saiba como foi

BANCA VGV


Adquira guias completos do mercado imobiliário da sua região. Tenha em suas mãos tudo o que precisa para vender mais.


saiba mais

Patrocínio Institucional