Projeto da Brookfield Incorporações é um dos finalistas de prêmio organizado pelo G20

portalvgv 04/07/2012 0
Trabalho da companhia foi classificado entre os 30 finalistas dos mais de 3.000 trabalhos inscritos do mundo todo

As ações desenvolvidas no empreendimento Jardins do Cerrado, da Brookfield Incorporações no bairro homônimo em Goiânia, ficaram entre os 30 projetos finalistas do Challenge Inclusive Business Innovation, um prêmio organizado pelo G-20 (grupo das 20 maiores economias do mundo) em conjunto com o IFC (International Finance Corporation), braço privado do Banco Mundial. A premiação é dada a projetos que valorizam práticas de inclusão social inovadoras, escaláveis e comercialmente viáveis para a população de baixa renda em países em desenvolvimento. O projeto teve como objetivo integrar as famílias que iriam morar no futuro conjunto habitacional, o maior inscrito no programa Minha Casa, Minha Vida do Centro-Oeste.

Na ação, a empresa transformou o canteiro de obra utilizado para construir o empreendimento em um grande centro comunitário. Neste local, a população pode ter acesso a cursos profissionalizantes como o de pedreiro, corte e costura, padaria comunitária e auxiliar administrativo, entre outros. Além disso, por meio de uma parceria com o Fundação Banco do Brasil, o local passou a dispor de computadores e acesso gratuito à internet para promover a inclusão digital. O centro oferece ainda uma quadra poliesportiva e playgrounds desenvolvido com materiais reciclados para a prática de atividades físicas.

“É muito gratificante ficar entre os finalistas, pois demonstra que estamos no caminho certo. A atuação da Brookfield vai além de construir empreendimentos. A empresa está sempre preocupada em desenvolver a comunidade em torno destes empreendimentos”, afirma Marcelo Borba, diretor executivo operacional da Brookfield Incorporações.

Ao todo, foram avaliados mais três mil trabalhos inscritos de vários países. Um júri de 12 renomados especialistas do setor privado, da academia, de organizações internacionais, e, inclusive, do G20, avaliou o desempenho da empresa por meio de cinco categorias: o beneficio da baixa renda, se a companhia tem solidez financeira, se o projeto possui sustentabilidade e social, se é inovador e se tem potencial de crescimento. O projeto desenvolvido pela Brookfield Incorporações ficou entre os 30 primeiros colocados e foi selecionado para participar de um e-book. Das melhores práticas, quatro empresas brasileiras são citadas, e a Brookfield Incorporações foi a única companhia do mercado imobiliário nacional a figurar nesta lista.

O prêmio Challenge Inclusive Business Innovation é organizado pelo G20 em conjunto com o IFC, braço privado do Banco Mundial. O anúncio dos vencedores foi realizado no dia 18 de junho, no México.

Comente esta notícia »