Hello world!

Vila Velha tem o mercado imobiliário mais aquecido da Grande Vitória hoje


Vila Velha tem o mercado imobiliário mais aquecido da Grande Vitória hoje. Isso foi confirmado por meio de duas pesquisas. A primeira delas, de demanda do Salão do Imóvel, organizada pela Associação de Empresas do Mercado Imobiliário do Espírito Santo (Ademi-ES), revelou que 55% dos visitantes preferem morar em um imóvel em Vila Velha, empatado com Serra e na frente de Vitória. Enquanto isso, o 26° Censo Imobiliário do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Espírito Santo (Sinduscon-ES) mostrou que a cidade possui mais unidades em construção do que Vitória, Serra, Cariacica, Guarapari e Viana juntas.


Outro dado que confirma o aquecimento do mercado imobiliário canela-verde também vem do Censo. De acordo com a análise, 75,44% das 14.759 unidades em construção no município já estão vendidas. Porcentagem que se mantém estável nos últimos 10 anos. “Estes números mostram que a relação entre a oferta e a procura de imóveis em Vila Velha está equilibrada. O mercado deve continuar aquecido nos próximos anos, pois é a cidade que mais oferece opções para as diferentes faixas de renda e tem a possibilidade de continuar oferecendo, por causa da quantidade de terrenos”, analisa Gustavo Figueiredo, diretor da Ademi-ES.


A proximidade com o mar, a boa malha de serviços, o fácil acesso à Capital, a grande oferta de residências e, principalmente, o bom preço do metro quadrado médio são itens que despertam nas pessoas o desejo de morar na cidade.


Para o diretor de Economia e Estatística do Sinduscon-ES, Eduardo Borges, os moradores da cidade possuem qualidade de vida equivalente aos moradores de Vitória, pagando menos em seus imóveis. “Vila Velha tem áreas propícias para a construção de imóveis de classe média. Possui boas opções de serviços e restaurantes, praias com calçadão, lojas, shoppings, tudo que se tem na Capital. No entanto, os imóveis dos bairros nobres têm um valor de 20% a 30% menor do que os de mesmo padrão em Vitória. Tudo isso se dá pela quantidade de oferta de moradia e terrenos”, avalia o diretor.


Se Vila Velha é o município com o mercado imobiliário mais aquecido, a região de Itaparica permanece com o posto de queridinha do momento. Sozinha, ela concentra a metade das unidades em construção da cidade, e mais do que o dobro das unidades no município de Vitória. Desse total, 78,16% já estão vendidos.


De acordo com a pesquisa de demanda do Salão do Imóvel, Itaparica se destaca também pela variedade de padrões de imóveis que oferece.


“Morar em Itaparica é a oportunidade de estar próximo ao mar, a shoppings e aos serviços com um metro quadrado mais baixo do que o da Praia da Costa e o de Itapoã. Os investimentos imobiliários devem permanecer nesta região por, pelo menos, mais cinco anos. Por enquanto, este é o bairro que supre o déficit habitacional de padrão alto, médio e popular”, afirma o diretor da Ademi-ES, Gustavo Figueiredo.


Fonte: http://www.increalty.com.br/imprensa/vila-velha-e-o-destino-preferido-de-quem-procura-imoveis.html


Portal VGV

Portal VGV

Comentários


Próximo evento

Congresso do Mercado Imobiliário de Recife e Região

O mercado imobiliário pós-retomada econômica

Faltam:

Garanta Aqui

CONFIRA AS EDIÇÕES ANTERIORES

Saiba como foi

BANCA VGV


Adquira guias completos do mercado imobiliário da sua região. Tenha em suas mãos tudo o que precisa para vender mais.


saiba mais

Patrocínio Institucional