NEWSLETTER    RECEBA SEMPRE EM PRIMEIRA MÃO NOSSO CONTEÚDO

Hello world!

O Inbound Marketing no Mercado Imobiliário

Estamos vivendo verdadeiras revoluções trazidas pela internet e a cada nova ferramenta ou aplicativo cresce a sensação de que ainda há muito a ser explorado. Porém, só se beneficia da internet a empresa que entende que não se trata apenas de um novo canal de mídia. A internet causou profundas mudanças na sociedade, influenciando, essencialmente, a maneira de nos relacionarmos.


Novo consumidor



As pessoas se tornaram mais sociais, colaborativas e mais horizontais em suas relações. Enquanto consumidoras, não aceitam mais um marketing vertical onde ocupam apenas o papel passivo de ouvintes mas são também influenciadoras, pesquisam, se informam, ouvem a opinião de amigos e parentes, opinam, reclamam e recomendam. O único caminho possível para as empresas que desejam permanecer no mercado é se adaptar ao novo consumidor e sua nova maneira de consumir.

No cenário atual, apesar das variações individuais, hoje, o consumidor confia mais na opinião dos outros do que na influência própria ou externa.


Segundo uma pesquisa da Nielsen realizada em 2015, 83% dos participantes de 60 países confiam nos amigos e na família como a fonte mais confiável de “publicidade”, e 66% prestam atenção nas opiniões que as outras pessoas postam na internet.


Com isso, se faz mais do que necessário ter um posicionamento sólido na internet afim de manter a atenção e a preferência do cliente até que ele efetive a compra. E mais: conquistar sua disposição para defender e indicar a marca.


O marketing de conteúdo



O conteúdo é uma estratégia que une e alimenta todas as outras estratégias do marketing digital.  A Content Marketing Institute, instituto criado nos Estados Unidos para divulgar o conceito no mundo, o define da seguinte forma:


“O marketing de conteúdo é a técnica que cria e distribui conteúdo de valor, relevante e consistente, para atrair e engajar uma audiência claramente definida, com o objetivo de encaminhar o cliente a tomar alguma ação que gere lucro”.


O marketing de conteúdo não é algo recente, ele já vem sido praticado desde os anos 80 na produção de revistas e livros como estratégia de marketing, porém, no contexto atual, graças à internet, ele ganhou um novo status:

 
*61% dos consumidores dizem que se sentem melhor em relação a uma empresa que fornece conteúdo personalizado, e são mais propensos a comprar desta empresa (Content Council);

*As pessoas gastam mais de 50% do seu tempo online olhando conteúdo (Nilsen);

*70% dos consumidores preferem conhecer uma empresa através de artigos em vez de anúncios (Content +);

*90% consideram útil o conteúdo personalizado;

*78% acreditam que as organizações que fornecem conteúdo personalizado estão interessadas em construir uma relação com eles (CMO Council).

 
Diante dessa realidade incontestável, para que uma empresa cumpra seus objetivos, a inclusão da estratégia de conteúdo no planejamento estratégico de marketing se mostra um grande diferencial.


Melhor do que qualquer outra abordagem de marketing, a técnica se aproxima do cliente, cria um relacionamento, identificação e engajamento. Além disso, apresenta outros benefícios como:


*Posicionamento da marca enquanto autoridade no assunto;
*Inspiração e entretenimento do consumidor;
*Orientação de decisões;
*Gerenciamento de expectativas;
*Atração de tráfego e leads;
*Fidelização de clientes e leitores.


O que é Inbound Marketing?


O inbound marketing é uma metodologia de marketing digital que tem como objetivo atrair voluntariamente os consumidores para o canal da empresa usando a ATRAÇÃO e RELACIONAMENTO com o público no lugar de propagandas intrusivas.


De acordo com Chet Holmes, autor do livro The Ultimate Sales Machine, apenas 3% das pessoas que trafegam nos sites corporativos estão realmente em busca de uma solução e 7% estão ao menos dispostas a ouvir o que a marca tem a dizer. Os outros 90% representam o desafio do inbound marketing: captar e gerenciar os leads até que eles estejam maduros para a abordagem de venda. Esse processo consiste na aquisição, qualificação, nutrição e, por fim, o encaminhamento dos leads para a equipe de vendas.


ATRAÇÃO:


Compra de mídia: Para prolongar o alcance da publicidade, o meio mais utilizado é a compra de mídia. Os investimentos em marketing têm migrado gradualmente de panfletagens e anúncios em jornais para a internet em search, redes sociais e portais imobiliários onde já, segundo o Google, trafegam 12 milhões de brasileiros. O maior benefício que a internet oferece nesse sentido é a alta capacidade de segmentação e controle sobre cada etapa e resultados obtidos.


SEO: definido pela empresa Resultados Digitais como “conjunto de estratégias realizadas em uma página para torna-la mais compreensível aos mecanismos de busca, melhorando seu posicionamento em pesquisas orgânicas”. Na prática, trata-se de levantar através de softwares e dados do Google, as palavras que estão sendo mais buscadas pelos usuários e utiliza-las nos blogs e landing pages para que a página seja mais facilmente encontrada e seja bem ranqueada nos sites de busca de maneira gratuita.

 
Landing Page: Para converter tráfego em leads, é importante apresentar uma Landing Page (página de entrada do canal da empresa) atraente e objetiva que traga uma oferta. Essa oferta pode ser acesso a um conteúdo exclusivo, download de PDF, newsletter ou outros benefícios. Assim, o consumidor concederá seus dados e passará a se tornar um lead.


RELACIONAMENTO:


Quando o usuário se torna um lead, é possível rastrear seu comportamento na internet e traçar seu perfil afim de proporcionar um conteúdo apropriado ao seu momento e necessidade.

 Para essa fase de qualificação e nutrição do lead, utiliza-se a Automação de Marketing. Quando o tráfego e a geração de leads crescem, a ferramenta é eficaz em manter todos os canais funcionando sem precisar do aumento da equipe de vendas. Mostra-se ainda mais eficiente em atendê-los e nutri-los de maneira pontual e personalizada até que estejam prontos para serem encaminhados à equipe de vendas. Contribui, inclusive, na passagem dos leads pra equipe de vendas gerindo, priorizando e organizando os leads e clientes através do CRM (customer relationship management).


Todas essas ferramentas e estratégias se mostram muito eficazes na abordagem e engajamento do novo consumidor, e o marketing de conteúdo é o combustível dessa locomotiva.


Como utilizá-lo no mercado imobiliário?


No mercado imobiliário, segundo dados da Google, o tempo de jornada na
internet já é de 60% em relação a todo o processo de compra de um
imóvel.  Ainda segundo a Google, ano após ano cai o número de imóveis
visitados antes de fechar negócio. Isso porque o cliente tem se
informado muito mais antes de contatar o profissional de vendas.

A
aplicação da técnica ajudará a condução do cliente através do funil,
com seus gargalos e fragilidades. Em cada um dos gargalos possíveis, há
uma abordagem, uma estratégia e técnicas para garantir que o consumidor
dê o próximo passo.



Seja para aumentar a proximidade com o público, aumentar a audiência, gerar leads ou fechar mais vendas, o conteúdo trabalha em função das metas da empresa.

Quais são as vantagens?



Segundo a DemanMetric, empresa especializada, 82% dos consumidores se sentem mais positivos em relação a uma empresa depois de ler um conteúdo especializado e 70% se sentem mais próximos à empresa graças ao marketing de conteúdo, porém, o mercado ainda não percebeu o poder, alcance e vantagens financeiras oferecidas pelo uso do Inbound Markeiing.

 
Segundo a Resultados Digitais, apenas 2,7% do investimento em marketing, em média, é encaminhado para automação de marketing, enquanto o mesmo é responsável por 38% de todos os leads gerados.


O investimento em geração e qualificação de leads através do marketing de conteúdo e ferramentas de inbound marketing reduz o investimento em vendas, pois torna o trabalho da equipe muito mais assertivo e eficiente, além disso, é 62% mais baixo do que o investimento em marketing tradicional. Isso faz reduzir o custo por venda, o custo por captação de lead e eleva o ROI (retorno de investimento).


Artigo escrito por Carol Scordamaglio. Conheça mais sobre a Carolina e veja o trabalho completo em: https://www.carolscorda.com



Portal VGV

Portal VGV

Comentários


Próximo evento

Congresso do mercado imobiliário de Osasco e região

Novos rumos para a produção de moradias

Faltam:

Garanta Aqui

CONFIRA AS EDIÇÕES ANTERIORES

Saiba como foi

BANCA VGV


Adquira guias completos do mercado imobiliário da sua região. Tenha em suas mãos tudo o que precisa para vender mais.


saiba mais

APOIO INSTITUCIONAL

NEWSLETTER    RECEBA SEMPRE EM PRIMEIRA MÃO NOSSO CONTEÚDO